Arquivo

Archive for the ‘TI’ Category

post, social, plural….

post, social, plural.

Gosta de escrever?

Mas, está cansado de usar blogs complicados, e ter pouca visibilidade pros seus textos?

Que tal experimentar algo diferente?

O Propost chega com uma nova proposta de rede social, o qual seu foco é em textos. Temos como objetivo criar um ambiente em que os usuários se vistam como autores, e seus textos sejam visualizados por outros atuores. A mesma estrutura de um blog. Mas em uma rede social.

Partimos do princípio que todos tem algo a ensinar, e todos também tem algo para aprender. E assim, trazemos de volta o prazer da escrita/leitura. Logo estas, que de tão importantes, acabaram sendo colocadas para escanteio nas redes sociais na atualidade.

Gostou?

Passa lá pra dar uma olhadinha!

www.propost.com.br

Anúncios

Longevidade para seu código

No inicio de dezembro, em um periodo próximo ao do JavaOne Brasil, aconteceu o já famoso BelJungle, encontro anual do grupo de usuário Javas do estado do Pará. E como eu andava meio, pra não dizer muito, afastado dos eventos e encontros por rasões obvias [3 mil km de distância faz disso obvio, não?] , resolvi dessa vez ajudar um pouco mais. Claro que toda a parte da divulgação e corrida por patricinio, colaboradores, não foi feito por mim. Mas aproveitei pra compartilhar algumas das experiências que eu andei vivenciando nesse meio tempo que eu passei programando.

Aproveitando a dica, coloco os slides a disposição. Eles estão bem intuitivos, mas qualquer duvida ou questionamento, só usar o blog 🙂

ps: Caso os slides demorem mais que o habitual para carregar, talvez seja melhor baixar a apresentação neste link: http://bit.ly/hg6nB4. É seguro, prometo 🙂

Categorias:Eventos, Java, TI Tags:, ,

spam real?

Você abre a sua caixa de mensagens, e lá está aquela mensagem dizendo: “Emagreça 10 kilos em uma semana”, ou “Tire agora o seu nome do serasa”. Seja qual for o fornecedor do seu email, um endereço novo ou antigo, sempre vai ter um spam na sua caixa de entrada.

Com o tempo, eles foram ficando mais elaborados. Agora não são mais enviados por qualquer adolescente que tenta passar um vírus por email para um usuário desavisado. Spams agora focam no conteúdo. Coisas do seu cotidiano vem escritas nas mensagens. Mas, como eles tiveram acesso a essa informação? Quem passou meu email?

Com a quantidade de serviços disponíveis na internet, qualquer cidadão que acessa a rede passa a ser monitorado. Pare agora e veja quantas abas do seu navegador estão abertas, e quantas delas são da mesma empresa? O monopólio dessa informação pessoal é controlada por uma única empresa. Location-Based Services é o termo usado por serviços focados em localização. Poucas pessoas usam ele atualmente, mas a previsão é que em 2012 sejam mais de 1 trilhão de dispositivos conectados ao LBS.

Revolução na maneira de se locomover, encontrar lojas, amigos e serviços físicos, tudo pelo celular. E de ser encontrado também. Agora supondo que essa empresa que detêm a maior parte das suas informações pessoais, adote também esse serviço. Ela sabe onde você esta e o que você procura. Tudo isso em tempo real.

Quanto surpreendente seria se você entrasse em um pub, ao invés de receber o menu do garçom, já recebesse um chopp escuro sem colarinho, da maneira que você gosta. Muito agradável, de fato. Mas basta estender esse pensamento para notar que as informações gravadas hoje, poderão ser facilmente utilizadas a favor de terceiros. Contratos garantem que, ao apagar sua conta na maioria dessas empresas, seus dados são apagados juntos. Mas até que ponto isso é verdade? E qual será esse impacto? A única certeza é das oportunidades de negócios que se abrem com o LBS.

Categorias:Informaticidade, TI Tags:,